Loading...
Livro em Oferta Amazon - Pankeka
Livro em Oferta Amazon - Pankeka

Felicidade e sua Importância para o Nosso Sucesso

Olá, meus queridos!

Sabe qual a matéria mais popular da Universidade de Harvard? Negociação? Empreendedorismo? Não... é Psicologia Positiva (em inglês, Positive Psychology), ou o “Curso da Felicidade” ensinado por Tal Ben-Shahar!

É interessante que um dos cursos mais procurados da Universidade mais tradicional dos Estados Unidos não ensine medicina ou direito, mas felicidade. No ano passado, mais de 1 000 alunos se inscreveram para assistir a essas aulas.

Estudando a Felicidade

Não é à toa que o livro de um dos principais assistentes do Professor Ben-Shahar, O Jeito Harvard de Ser Feliz, escrito por Shawn Achor (em inglês, The Happiness Advantage), faz tanto sucesso e foi tão bem recebido.

Para Shawn, felicidade não é acreditar que você não precisa mudar, mas é perceber que você pode mudar.

Nós temos sempre a ideia de que seremos felizes quando atingir alguma meta que colocamos; por exemplo, comprar um apartamento ou uma casa. O problema é que, quando atingimos esse objetivo, já colocamos outro objetivo e parece que a “felicidade” acaba ficando mais distante.

Ou seja, a lógica de que, se você trabalhar duro, você será bem-sucedido, e, quando você for bem-sucedido, você será feliz, é furada.

Shawn traz, então, a percepção de que nós nos tornamos mais bem-sucedidos quando somos mais felizes e mais positivos; não o contrário.

Nós podemos usar nossa mente para mudar a forma como processamos o mundo à nossa volta e, consequentemente, como nós reagimos aos acontecimentos. Ao tentar ver as coisas pelo ângulo positivo e usar nossas falhas como oportunidades para crescer e melhorar, nós aumentamos muito nossas chances de sermos mais felizes, otimistas e gratos na nossa situação atual.

Além disso, ele ressalta a importância de relacionamentos sociais para garantir um melhor bem-estar e menor estresse, o que, por sua vez, acabo por reduzir as chances de depressão e por aumentar a performance.

Os Princípios de O Jeito Harvard de Ser Feliz

Veja abaixo os sete princípios propostos pelo livro:

O Benefício da Felicidade

Ensina a recondicionar nossa mente para tirar proveito de pensamentos mais positivos e para aumentar nossa produtividade e performance, afinal de contas, mentes positivas tem uma vantagem biológica sobre mentes neutras ou negativas.

O Ponto de Apoio e a Alavanca

Prega como devemos ajustar nossa mente como se fosse uma gangorra em que quanto mais longe o fulcro estiver de nós, mais peso conseguiremos levantar. Assim, com o ajuste da nossa mente (fulcro), podemos usar a força (alavanca) para ser mais bem-sucedidos e realizados.

O Efeito Tetris

O livro traz um exemplo de pessoas que ficaram fechadas em uma sala jogando tetris por horas e, após sair, suas mentes continuavam avaliando as possibilidades de aproveitar coisas da vida real na mesma matriz do jogo mesmo. Assim, quando nossa mente fica presa em uma matriz de negatividade e fracasso, acabamos fadados ao fracasso. Precisamos, então, recondicionar nossa mente para focar nas possibilidades para que possamos enxergá-las e, claro, aproveitá-las.

Encontre Oportunidades na Adversidade

A tradução literal desse princípio do livro em inglês seria “Cair para Cima”, o que acha que faz bastante sentido: devemos aproveitar as falhas e os sofrimentos para aprendermos podermos ser mais felizes e mais bem-sucedidos.

O Círculo do Zorro

Muitas vezes acabamos sobrecarregado com tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo e o nosso cérebro acaba “sequestrado” por emoções. A melhor forma de retomar o controle da situação e de nossa mente é focar em objetivos pequenos e administráveis, para, então, começar a expandir o círculo e conseguir lidar com problemas maiores.

A Regra dos 20 Segundos

É bem comum que ao tentarmos realizar grandes mudanças, por exemplo, parar de fumar ou adotar um novo regime, nossa força de vontade não seja forte o suficiente e acabemos cedendo. Ao fazermos ajustes com a regra dos 20 segundos, conseguimos evitar que isso ocorra e atingir nosso objetivo de substituir um mal ou velho hábito.

Investimento Social

Pessoas tendem a se fechar quando sujeitas a grandes desafios e níveis de estresse. Ocorre, no entanto, que é nessa hora que o apoio de amigos e família é mais importante. Temos que aproveitar nossos relacionamentos sociais para ter uma vida melhor e mais feliz.

Um Paradoxo da Psicologia Tradicional

Outro ponto interessante colocado no livro são dois erros comuns na psicologia tradicional:

  • é muito comum o estudo e a análise da média de comportamentos e feitos para entender as pessoas, mas o problema é que, se estudamos a média, sempre permaneceremos na média;
  • além disso, ao estudar a média, o foco acaba indo para aqueles que estão abaixo da média para que eles atinjam a média. Assim, se focamos em melhor apenas aqueles abaixo da média, sempre vamos só atingir a média e perderemos a oportunidade de crescer ainda mais com aqueles que estão no topo.

Foi com o estudo daqueles que estavam bem acima da média que Shawn Achor percebeu muitos dos pontos trazidos em seu livro.

Não perca tempo! Leia hoje mesmo ou coloque em sua lista de livros para ler aqui!